Jovem morre durante suposto racha em rodovia de Rio Branco - Giro Feijó

Post Top Ad

Responsive Ads Here
Jovem morre durante suposto racha em rodovia de Rio Branco

Jovem morre durante suposto racha em rodovia de Rio Branco

Share This
O entregador Walisson Sobreira, de 23 anos, morreu na noite desta quinta-feira (19) após colidir contra um carro na Vila Custódio Freire, em Rio Branco. De acordo com a família, o jovem tinha comprado a motocicleta há menos de um mês e costumava participar de racha com os amigos. Sobreira chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital horas após o acidente.
"Começaram a dizer que era legal fazer racha com a moto e ele ia muito para a estrada do aeroporto com os amigos para fazer isso. A família aconselhava para ele não andar correndo, mas quando a pessoa quer correr, não tem quem segure", conta a prima da vítima, Cláudia Sobreira.
Ela diz ainda que a mãe do menino, que mora em Boca do Acre (AM), chegou em Rio Branco abalada com tudo que aconteceu. "Ele tinha costume de sair com os amigos, quando saia da escola ia correr e aconteceu isso. A gente não sabe muita coisa, foi muito rápido, e a mãe dele está em choque", conta.
Moacir Delatri, padrasto da vítima, alega que o jovem era tranquilo e não bebia. Sobreira estava tentando terminar o segundo grau e trabalhava como entregador. Como a mãe não mora em Rio Branco, o rapaz morava com a avó, no bairro Alto Alegre.
"Ele era tranquilo, não bebia. Tinha muitos planos na vida, estudava à noite. É uma grande perda", lamenta.
A mãe de Sobreira, a agricultora Elizete da Silva, de 43 anos, chegou para o velório do filho na manhã desta sexta-feira (20). Ainda abalada, ela alega que não sabia que o filho fazia esse tipo de corrida.
"Com certeza, ele estava fazendo racha. Ele tentou frear a moto, o motorista tentou matar ele ainda. Eu não sabia que ele fazia isso.  Eu quero Justiça e mais nada", desabafa.
O velório do jovem ocorre na funerária São Francisco, em Rio Branco.
Família de jovem diz que ele costumava participar de rachas  (Foto: Reprodução/Facebook)
O amigo da vítima, um montador de móveis de 26 anos, que prefere não se identificar diz que a vítima participava de um grupo de motoqueiros, denominado 'Abusados' e nega que o grupo estivesse fazendo racha no momento do acidente. Ele culpa o motorista do carro pelo acidente.
"Ninguém estava fazendo racha, o carro que freou em uma via movimentada. Nossa equipe é passiva, é um coletivo que se reúne e faz passeios. O motorista estava bem devagar em uma rodovia que nem pode estar naquela velocidade", conta.
o g1  entou entrar com contato com o motorista do carro do acidente, mas não obteve retorno até a publicação da matéria.
fonte   Do G1 AC

Videos

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages