Prefeitura vai recuperar a Avenida Marechal Deodoro e cobra ação dos vereadores - Giro Feijó

Post Top Ad

Responsive Ads Here
Prefeitura vai recuperar a Avenida Marechal Deodoro e cobra ação dos vereadores

Prefeitura vai recuperar a Avenida Marechal Deodoro e cobra ação dos vereadores

Share This
A Avenida Marechal Deodoro é uma das ruas mais movimentadas de Feijó por ser a rua do comércio. Ali se concentra o maior fluxo de veículos na cidade e isso tem danificado bastante a avenida e principalmente com o tráfego de veículos pesados como carretas, caminhões e ônibus. No período de chuva, o problema se agrava ainda mais pois o inverno amazônico e bastante rigoroso.
Recentemente a prefeitura havia recuperado a Avenida porém cerca de três meses depois a rua já está intrafegável devidos a buracos. O prefeito Mêrla Albuquerque disse que vai novamente fazer os reparos necessários na Avenida a partir de hoje terça-feira (24).
20151124_080855
O prefeito disse ainda que este problema já não deveria mais acontecer se os vereadores já estivessem votado e aprovado um projeto de Lei que ele enviou ao legislativo proibindo a circulação de veículos pesados no centro da cidade.
Eu quero pedir mais uma vez que atenda com a votação do Projeto de Lei para impedir essa movimentação de veículos pesados na cidade o que danifica muito nossas ruas. a Marechal Deodoro mesmo já foi recuperada duas vezes por nossa administração. Então nós estamos gastando o dinheiro público como se fosse em vão porque a gente recupera em logo a rua é danificada. Tarauacá é exemplo disso que lá já existe uma lei municipal que impede o tráfego de veículos pesado na cidade e as ruas são bem melhores que as nossas“, disse Mêrla.
A questão dos ônibus que estacionam na Avenida para apanhar os passageiros é uma situação mais grave, porque isso só pode mudar quando o governo do estado concluir a obra de construção do posto rodoviários na BR 364, na entrada da cidade. Esta obra já tem mais de três anos de atraso do prazo de entrega e ainda não ha previsão para a conclusão.
fonte   www.correiodoacre.com

Videos

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages