Saúde confirma morte de jovem por doença de chagas no interior do AC - Giro Feijó

Post Top Ad

Responsive Ads Here
Saúde confirma morte de jovem por doença de chagas no interior do AC

Saúde confirma morte de jovem por doença de chagas no interior do AC

Share This

A Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) confirmou que a morte da jovem Celiana Cruz da Silva, de 17 anos, foi causada por doença de chagas. O restante da família deve fazer exames no dia 29 de março para saber se também sofreram contaminação.
Celiana e o marido, Francisco Maian da Costa, de 18 anos, faleceram no final de fevereiro e, desde então, havia a suspeita que a doença causada pelo protozoário Trypanosoma cruzi fosse a causa da morte ocorrida na cidade de Rodrigues Alves, interior do estado.
A transmissão da doença de chagas ocorre pelas fezes do inseto conhecido como"barbeiro" depositadas sobre a pele da pessoa, enquanto o inseto suga o sangue. A suspeita é que o casal tenha adquirido a doença por via oral, através do açaí, transmitida quando o barbeiro se mistura aos grãos e acaba sendo moído junto com o fruto.
Segundo o setor responsável pelo controle da doença de chagas e leishmaniose no Acre, não foi possível fazer os exames em Costa, que morreu no dia 26 de fevereiro. Porém, ele apresentava os mesmos sintomas apresentados por Celiana, que morreu no dia 29 do mesmo mês, e que duas irmãs dele, de 10 e 24 anos, que permanecem ainda internadas
"Infelizmente as duas primeiras vítimas já chegaram ao hospital em estado avançado da doença, pois já apresentavam os sintomas há cerca de um mês. Elas não resistiram e foram a óbito. Não foi possível coletar o material no Francisco Maian. Nas três moças foi coletado e confirmado doença de chagas", explica a técnica responsável pelo setor Carmelinda Gonçalves.
Carmelinda diz ainda acreditar que a contaminação tenha ocorrido por via oral. “Eles devem ter consumido alguma coisa contaminada pelo barbeiro. Não posso confirmar se foram contaminados através do açaí. A transmissão por via oral é mais grave e evolui mais rápido”, afirma.
A técnica diz ainda que as irmãs de Francisco Maian estão recebendo acompanhamento. Uma está em Cruzeiro do Sul e deve receber alta nos próximos dias. Já a menina de 10 anos foi encaminhada para Rio Branco e está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).
Enquanto isso, a Secretaria Municipal de Saúde de Rodrigues Alves diz que toma medidas para evitar novas contaminações.
"A Sesacre enviou um biólogo que esteve na comunidade, capturou um besouro e encaminhou à análise laboratorial. Estamos enviando uma equipe de agentes de endemias para a comunidade fazer uma busca ativa e coleta de lâminas na tentativa de encontrar besouros contaminados. Também vamos pedir apoio da Sesacre para desenvolver ações que visam eliminar a presença do barbeiro na comunidade Nova Cintra e em outras comunidades rurais da cidade", afirma o secretário Elvis Barros.
fonte  g1.globo.com

Videos

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages