Com reajuste, Bolsa Família passa a injetar R$ 17 milhões no Acre - Giro Feijó

Post Top Ad

Responsive Ads Here
Com reajuste, Bolsa Família passa a injetar R$ 17 milhões no Acre

Com reajuste, Bolsa Família passa a injetar R$ 17 milhões no Acre

Share This
O governo federal concedeu ontem   reajuste de 12,5% no benefício médio do Programa Bolsa Família. O índice  está acima da inflação dos últimos 12 meses. No Acre, cerca de 84 mil beneficiários serão contemplados. Com o aumento, o Bolsa Família salta de pouco mais de  R$15 milhões para R$17 milhões.
O decreto também prevê aumento da linha de extrema pobreza – que passa de R$ 77 para R$ 85 – e da linha de pobreza, que sobe de R$ 154 para R$ 170.
O reajuste é 3,5% maior do que havia sido anunciado pela presidente Dilma Rousseff em 1º de maio, antes de ser afastada no processo de impeachment. O aumento do benefício vai causar impacto de R$ 2,5 bilhões por mês no Orçamento da União. O Ministério do Desenvolvimento Social informou que o governo interino reservou recursos do orçamento para garantir o reajuste. 
ACRE
Atualmente, o programa contempla cerca de 14 milhões de famílias. O governo gasta, em média, R$ 2,3 bilhões por mês com o projeto de transferência de renda, com o valor médio de R$ 163,57 por família.
O Acre é, proporcionalmente, o quinto Estado Brasileiro onde mais famílias recebem o benefício, ficando atrás apenas do Maranhão. Considerando a média de 3,7 pessoas por família.
Muitas famílias do Acre dependem do recebimento do Bolsa Família para se alimentar. Atualmente, antes do reajuste, portanto, o valor total em benefício para famílias do Acre é de pouco mais de R$ 15 milhões.
fonte   www.jornalatribuna.com

Videos

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages