Última hora
recent

TSE confirma 363 votos com indícios de fraude no Acre

Está confirmado: o  cruzamento elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) entre as justificativas por ausência nas eleições de 2014 constatou suposta fraude em 363 votos de acreanos, no primeiro e segundo turno. Esses eleitores justificaram sua ausência, mas na urna foi registrado o seu voto.
O pedido de investigação foi feito pelo presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes ao comando da Polícia Federal e à Procuradoria Geral da República. “Diante da gravidade das ocorrências identificadas, com fortes indícios de prática criminosa, comunico o fato para a devida apuração”, afirmou o presidente do TSE no pedido ao procurador Janot.
Em 2014, os eleitores elegeram representantes para presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual.  De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE), foram constadas 712 seções no estado com a suposta  irregularidade.
“Ao efetuar cruzamento entre as justificativas por ausência na votação com a base de dados dos eleitores que efetivamente votaram, foi possível constatar o registro de voto por parte de eleitores que justificaram o não comparecimento”, afirmou o ministro Gilmar Mendes em ofício ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot.
Isso poderá resultar no afastamento das pessoas que foram selecionadas para participar da mesa das seções.  Essa mesma fraude também foi constadas em outros estados brasileiros.
Confira a lista:
São Paulo: 17.420
Minas Gerais: 9.130
Bahia: 8.114
Rio de Janeiro: 4.830
Pernambuco: 3.907
Maranhão: 3.837
Rio Grande do Sul: 3.376
Paraná: 3.335
Pará: 2.875
Ceará: 2.832
Santa Catarina: 2.818
Espírito Santo: 1.939
Goiás: 1.829
Piauí: 1.527
Paraíba: 1.474
Rio Grande do Norte: 1.422
Amazonas: 1.136
Alagoas: 844
Mato Grosso: 783
Distrito Federal: 726
Mato Grosso do Sul: 701
Sergipe: 589
Rondônia: 558
Acre: 363
Amapá: 217
Tocantins: 184
Roraima: 115
fonte  www.jornalatribuna.com.
equipe giro feijó

equipe giro feijó

Comentários desta notícia

Atenção, não somos responsáveis pelo conteúdo do comentário que você escrever aqui, mas podemos exluir se for necessário!

Clique na imagem para entrar em contato

Tecnologia do Blogger.