Última hora
recent

Autoridades acrianas são ameaçadas por facções

Em resposta às ações da polícia, as facções criminosas começam a dirigir ameaças de morte para autoridades. O primeiro da lista foi o secretário de Segurança Emylson Farias. Numa reunião, realizada nessa quinta-feira entre Judiciário e Executivo, foram repassados os nomes dos novos jurados de morte.
Os bandidos citaram o nome do governador Tião Viana, a quem responsabiliza pelas operações que levaram à cadeia centenas de pessoas envolvidas em crimes. Do lado do Judiciário existe uma revolta contra a Juíza da Vara de Execuções Penais, Luana Campos.
Outro magistrado citado é Clovis Augusto Ferreira, Juiz da 4ª Vara Criminal, que assinou a ordem de transferência de 12 presos para presídios fora do Estado.
O secretário de Estado de Segurança Pública, Emylson Farias, disse que as ameaças não vão mudar o trabalho da polícia, que vai continuar atacando os grupos criminosos. “Estou acostumado com ameaças, faz parte do trabalho das pessoas que cuidam da Segurança e do Judiciário. O importante é que os bandidos não vão intimidar”, citou.
As operações da Polícia Civil têm levado centenas de criminosos para a cadeia. Nos presídios, líderes de facções estão em celas isoladas, sem receber visitas. Os mais perigosos foram transferidos para outros estados.
A presidente do Tribunal de Justiça, Cezarinete Angelim, disse que foi informada das ameaças e está tomando as devidas providências para segurança dos juízes e não vai deixar que as ameaças intimidem o trabalho de combate à criminalidade.
fonte www.agazeta.net
equipe giro feijó

equipe giro feijó

Comentários desta notícia

Atenção, não somos responsáveis pelo conteúdo do comentário que você escrever aqui, mas podemos exluir se for necessário!
Tecnologia do Blogger.