deficiente é condenado a mais de 24 anos por morte de agricultor - Giro Feijó

Post Top Ad

Responsive Ads Here
deficiente é condenado a mais de 24 anos por morte de agricultor

deficiente é condenado a mais de 24 anos por morte de agricultor

Share This
Um deficiente físico foi condenado a 24 anos e 10 meses de reclusão pela morte do agricultor Francisco Belarmino, de 62 anos. O crime ocorreu em novembro de 2015 em uma área conhecida como Colocação Samaúma, zona rural de Sena Madureira, interior do Acre. Além de homicídio qualificado, Marcos Bonciano de Oliveira, de 21 anos, foi condenado pelo crime de corrupção de menores, já que um adolescente de 17 anos teria praticado o crime a mando dele.
O julgamento de Oliveira iniciou por volta das 8h desta segunda-feira (7) e terminou depois das 15h, na Vara Criminal da cidade. A Justiça disse que o menor, que é irmão do réu, foi ouvido como testemunha e alegou ao júri popular, composto de 7 jurados, que agiu sozinho. O adolescente permanece internado em um centro socioeducativo do município.
Na época do crime, o delegado de Polícia Civil Rêmulo Diniz contou ao G1 que como o acusado não possui os dois braços pediu ao adolescente para cometer o homicídio. A vítima foi degolada e teve a cabeça jogada em um matagal.
A Vara Criminal informou também que Oliveira negou o crime durante o julgamento. Porém, para o juiz de Direito Fabio Alexandre, responsável pela sentença, o acusado é responsável pelo assassinato de Belarmino. Cinco testemunhas, entre defesa e acusação, além do menor foram ouvidos durante o julgamento.

A Justiça não soube detalhar quando deve acontecer o julgamento do menor, que foi levado novamente para o Centro Socioeducativo da cidade após prestar depoimento. A defesa de Oliveira recorreu da sentença e terá oito dias para apresentar as razões. O acusado foi levado para o Presídio Evaristo de Moraes.
fonte  g1.globo.com

Videos

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Pages