Última hora
recent

Dupla é presa suspeita de participar de assalto e morte de policial

Um casal foi preso na tarde desta terça-feira (27) na Rua Vitória, no Conjunto Esperança, em Rio Branco, durante uma operação policial. Sherman Robson Souza, de 33 anos, e Adriana Alexandre da Silva, de 23, são suspeitos de envolvimento no roubo seguido de morte do subtenente da Polícia Militar Antônio José Costa, de 51 anos. O crime ocorreu na manhã desta terça.
Ao G1, Souza disse conhecer os alvos da operação, mas negou ter envolvimento com o latrocínio.
“Eu apenas tinha ido comprar almoço, cheguei na casa e uma moça abriu o portão. Entrei e deixei o almoço, quando ia sair escutei o barulho e me escondi no quarto, me escondi debaixo da cama com medo. Há dois meses que saí (do presídio), estou trabalhando não posso me envolver com isso”, disse.
Ele ainda se disponibilizou a fazer exames para comprovar que não teve envolvimento com a morte do policial. “Façam exame de pólvora em minha mão, façam exame na caminhonete para ver se encontram digitais minhas, me mostrem se alguém me viu. Estão em incriminando por coisa que não fiz, mas Deus é justo. Isso é só uma provação para mim”, argumenta.
Com eles, o Batalhão de Operações Especiais (Bope) encontrou duas espingardas calibre 12 com 25 cartuchos de munição e duas pistolas calibre 380 com 14 cartuchos. Ainda durante a operação, a polícia encontrou o veículo da vítima. O carro estava escondido nos fundos de uma casa no Conjunto Esperança.
Os suspeitos e as armas foram encaminhados para a Delegacia de Flagrantes da capital (Defla). Já a caminhonete, está no local onde foi encontrada e ainda vai passar por perícia.
A polícia não deu mais informações sobre como chegou aos suspeitos. O Bope, no entanto, confirmou que três equipes atuam no caso, outras pessoas foram presas e ao menos mais duas pessoas ainda estão sendo procuradas. Uma coletiva para apresentar o resultado da operação deve ocorrer ainda nesta terça, após a operação ser concluída.
Policial foi baleado em assalto e não resistiu aos ferimentos  (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Entendo o caso
O policial militar da reserva, Antônio José Costa, de 51 anos, que foi baleado durante um assalto no bairro Triângulo, morreu logo após chegar ao Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) na manhã desta terça (27). De acordo com a PM, quatro homens armados desceram de um veículo e renderam o policial para levar a caminhonete dele.
A informação da morte foi confirmada pelo tenente-coronel Ezequiel Bino. Ele acredita que o PM estava sendo seguido e o alvo dos bandidos era roubar a caminhonete de Costa. "Há indícios de que ele estava sendo seguido. Foram quatro homens em um veículo prata. Foi rendido, houve troca de tiros, ele reagiu e foi alvejado", disse.
A PM também solicitou as imagens de algumas câmeras de segurança que têm no local. Há informação de que o policial da reserva também tinha acabado de sair de uma agência bancária após sacar dinheiro. Familiares chegaram a ir até o local onde aconteceu o crime, mas, muito abalados, não falaram sobre o assunto.
fonte  g1.globo.com
equipe giro feijó

equipe giro feijó

Comentários desta notícia

Atenção, não somos responsáveis pelo conteúdo do comentário que você escrever aqui, mas podemos exluir se for necessário!
Tecnologia do Blogger.