Última hora
recent

Desempregada, agrônoma vende minijardins durante Carnaval no Acre

Após perder o emprego, a engenheira agrônoma Negmy Mendonça de Souza, 44 anos, decidiu que era o momento de se reinventar. A mulher passou a pesquisar como eram feitos os terrários - minijardins montados em recipientes de vidro - e até fez a montagem de alguns, mas achou que estavam muito básicos. Foi então que decidiu procurar um diferencial e iniciou os terrários dentro de lâmpadas que são reutilizadas.
Os minijardis custam de R$ 10 a R$ 30 e são vendidos na Feira de Pequenos Negócios que ocorre durante o Carnaval na Praça da Revolução, em Rio Branco.
Negmy conta que a produção de uma lâmpada leva de 15 a 30 minutos e que os preços variam dependendo do material utilizado e do tempo de preparo. Nos três dias de Carnaval, a agrônoma diz que lucrou R$ 100.
"Fui no Youtube para ver primeiro como limpar a lâmpada para receber as plantas. Comprei uma lâmpada bem pequena e fiz o primeiro, mas as lâmpadas quebravam e com o tempo fui pegando o jeito. O material que é descartado eu reciclo. Tudo que faço é depois de pesquisar. Eu estava sem fazer nada e percebi que havia um leque de coisas para eu fazer. Se alguém vier e pedir um terráreo personalizado eu também faço, essa é minha fonte de renda", conta.
Para criar minijardins dentro de lâmpadas agrônoma leva 15 a 30 minutos (Foto: Quésia Melo/G1)
Comerciantes lucram até 900 em três noites de Carnaval
A vendedora Nira Matos conta que, de sexta-feira (17) até este domingo (26), conseguiu vender R$ 900. Na barraca dela o folião pode encontrar bolos e tortas de vários sabores, entre eles chocolate, castanha, farinha de tapioca, torta de limão e maracujá com chocolate. Qualquer porção custa R$ 5.
"Estou vendendo bem, os produtos estão saindo muito. Acredito que nos próximos dias vamos vender ainda mais. A expectativa é muito boa e fico até a Quarta de Cinzas", destaca.
Já Raimunda da Silva Barbosa vende plantas e diz que a vendas também estão boas. A vendedora diz que todos os anos aproveita a folia para ter uma renda extra. As plantas mais compradas, segundo ela, são as roseiras.
Vendedora conta que todos os anos aproveita folia para ter renda extra  (Foto: Quésia Melo/G1)
Vendedora conta que todos os anos aproveita folia para ter renda extra"Como planta a pessoa compra porque gosta, acredito que já vendi uma média de R$ 300 e a expectativa é que nos próximos dias venda ainda mais", finaliza.
fonte g1.globo.com 
equipe giro feijó

equipe giro feijó

Comentários desta notícia

Atenção, não somos responsáveis pelo conteúdo do comentário que você escrever aqui, mas podemos exluir se for necessário!

Clique na imagem para entrar em contato

Tecnologia do Blogger.