Última hora
recent

Em Feijó, decreto fixa auxílio moradia de R$ 1 mil para profissionais do Mais Médicos

A Prefeitura de Feijó publicou um decreto fixando em R$ 1 mil o valor de uma bolsa de auxílio moradia destinado aos profissionais do programa Mais Médicos que forem atuar no município. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) na última quarta-feira (6).
O decreto, que foi assinado pelo prefeito da cidade, Kiefer Roberto Cavalcante Lima, afirma que a determinação entrou em vigor a partir da data de publicação, mas tem efeito retroativo ao dia 1 de agosto deste ano.
No último dia 22 de agosto, o Ministério da Saúde divulgou o resultado de um edital de reposição do Mais Médicos em que o Acre tinha apenas uma vaga na etapa e o profissional foi lotado no Distrito Sanitário Especial Indígena Alto Juruá (Dsei Alto Juruá).
Mais Médicos
Criado em 2013, o Mais Médicos ampliou a assistência na atenção básica fixando médicos nas regiões com carência de profissionais. O programa conta atualmente com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI), levando assistência para ao menos 63 milhões de brasileiros.

fonte  g1.globo.com
equipe giro feijó

equipe giro feijó

Comentários desta notícia

Atenção, não somos responsáveis pelo conteúdo do comentário que você escrever aqui, mas podemos exluir se for necessário!
Tecnologia do Blogger.